Gai Valeri Catulli Veronensis Liber 1, 41

Ir em baixo

Gai Valeri Catulli Veronensis Liber 1, 41

Mensagem por Elpídio Mário D Fonseca em Sex Jul 20, 2018 5:40 pm

XLI. ad Ameanam
Ameana puella defututa
tota milia me decem poposcit,
ista turpiculo puella naso,
decoctoris amica Formiani.
propinqui, quibus est puella curae,
amicos medicosque convocate:
non est sana puella, nec rogare

qualis sit solet aes imaginosum.
 
 
Ameana, ae, s.f.
Defuto, as, are, avi, atum exausta de foder.
Posco, is, ere, pçoposci, v.t. Pedir, pedem em casamento.
Decem,  n. card, Dez, um grande número
Turpiculus, a, um, ad. Bastante feio.
Decoctor, oris, s.m. Dissipador.
Propinquus, a, um, adj.  Próximos// parentes.
Cura, ae, s.f. Inquietação// inquietação amorosa.
Aes, aeris, s. n. Bronze.
Imaginosus, a, um, adj. Imaginoso .
Rogo, as, are, avi, atum,  perguntar, consultar.
 
 
XLI. Para Ameana
 
Ameana, a moça exausta de ser toda fodida,
solicitou-me dezenas de milhares de vezes,
esta do nariz feíssimo,
amiga do dissipador Formiano.
ó próximos, aos quais a moça é cuidados,
convocai amigos e médicos,:
não é saudável a moça, nem costuma consultar
quem ela é no espelho de bronze.
avatar
Elpídio Mário D Fonseca

Número de Mensagens : 351
Idade : 51
Nacionalidade : brasileiro
Data de inscrição : 20/05/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum